fbpx

Método Callan

O Método Callan ou direto/natural pode ensinar a língua em um quarto do tempo necessário em qualquer outro método do mercado. Em vez das 350 horas normalmente fundamentais para que o estudante médio chegue ao nível do Cambridge Preliminary English Test (PET), o Método Callan pode levar apenas 80 horas, e apenas 160 horas no caso do Cambridge First Certificate in English (FCE).

Isso porque o método é baseado em imersão na língua, ou seja, o contato direto e intensivo para desenvolver as habilidades auditivas e de fala durante as aulas. Como há prática da conversação com o professor, o aluno recebe as correções imediatamente, assim, a memorização é favorecida – tanto da gramática e quanto pronúncia.

Ordem das habilidades

Durante as aulas, a cada palavra nova que for apresentada à turma, as quatro habilidades linguísticas serão praticadas! Seguindo a ordem:

audição > fala > leitura > escrita

 

Durante as aulas com esse método:

O professor faz perguntas! Motivando a concentração do estudante e favorecendo o exercício da prática.

As falas do professor são rápidas para imitar uma conversa do mundo real! Para compreender a língua normal, é preciso focar em sua velocidade natural e a entender sem traduzir. A ideia é que você comece a pensar em inglês (ou outra língua escolhida).

Erros são comuns no começo. Não se preocupe. Os professores da The Hall irão corrigir seus erros, e você aprenderá muito com as correções.

As perguntas são repetidas, e o professor ajuda você com a resposta. Como o professor fala rapidamente as perguntas são repetidas. Dessa forma, você tem mais chances para compreender o que foi perguntado.

Respostas com a mesma gramática da pergunta. Você sempre formulará frases completas ao falar nas aulas, enaltecendo o vocabulário e a gramática da língua.

Correção através da imitação. O professor aponta seus erros no momento em que você os comete e os corrige imitando (copiando), para depois dizer o correto.

Formas contraídas. Nas aulas, se é usado contrações (“I don’t” em vez de “I do not”, por exemplo). Pois é normal usar contrações no inglês falado!Nada de conversa. O Método Callan valoriza a prática oral, mas é preciso ter moderação. Afinal, não quer dizer que bater papo livremente está liberado.